Até breve Projeto Pulso, longa vida ao øclb


Assine a Cápsula, nossa newsletter para mentes inquietas em busca de inspiração

Compartilhe esse artigo

Todo festival tem seu fim. Mas o show precisa continuar. E continuará.

O Projeto Pulso foi criado em 2014, quando a gente – Carol Soares e Franklin Costa – decidimos testar uma hipótese: será que os festivais são um guia para nos ajudar a entender o espírito do tempo?

E lá fomos nós juntar um grupo de outros apaixonados por festivais para por a teoria em prática.

De um lado, reunimos um time de blogueiros, jornalistas e pesquisadores musicais que começaram a produzir conteúdo autoral sobre a cultura dos festivais para este site que você lê neste momento.

Do outro lado, organizamos imersões em campo nos principais festivais do Brasil ao lado de fotógrafos, videomakers e trendhunters, investigando tendências e comportamentos emergentes para marcas como a Heineken, Coca-Cola e Doritos.

Em pouco tempo, fomos convidados para prestar consultoria para alguns dos maiores festivais do mundo – Rock in Rio, Lollapalooza, Tomorrowland Brasil, Ultra Music Festival entre outros – além de palestrar em outros festivais sobre a festivalização da cultura.

Desde então, publicamos aqui no site do Projeto Pulso mais de 800 artigos, incluindo mais de 100 reviews de colaboradores de todo o mundo (#gratidão) que compartilharam com outros fãs de festivais suas experiências em eventos nos EUA, Europa, África, Ásia, Brasil e América Latina. Dois e-books também foram lançados. Um em 2016, “Festivais e o Espírito do Tempo”, e outro em 2018, o “Guia Pulso para Ativação de Marcas em Festivais”.

Em 2017, Carol e Franklin tornaram-se nômades e criaram o øclb, a marca que ao longo dos anos viria a ocupar o lugar do Projeto Pulso.

A virada de chave aconteceu, claro, com a pandemia. Cobrimos o início dela aqui no Pulso, acompanhando o triste cancelamento de todos esses eventos ao redor do mundo. Aos poucos, porém, observamos uma nova primavera dos festivais.

Novas experiências digitais, as lives, o streaming e os eventos virtuais como o Tomorrowland Around The World ou a série de shows de artistas no Fortnite mostraram os caminhos de uma nova indústria do entretenimento ao vivo. Em pouco tempo, palavras como Metaverso, Web3, tokes digitais e NFTs começaram a entrar em nosso vocabulário.

Toda essa transformação da indústria dos festivais e o renascimento de uma nova era das experiências vem sendo o foco dos conteúdos e pesquisa no øclb. O Projeto Pulso entrou em pausa. O øclb cresceu e apareceu.

O mundo muda, as pessoas mudam e nossos interesses também.

Seguimos apaixonados por festivais. Mas a partir desse ano, a produção de conteúdos para o Projeto Pulso está suspendida. Manteremos os posts passados para consulta e pesquisa.

Encerramos esse post como o começamos: o show precisa continuar. E ele continuará. Só que agora em um novo palco chamado øclb.

Todas as semanas, seguimos produzindo conteúdos autorais sobre o futuro das experiências, do entretenimento ao vivo e dos festivais. Assine nossa newsletter, a Cápsula e sigam nosso Instagram.

Gratidão pela companhia. Nos vemos na pista!

Assine a Cápsula, nossa newsletter para mentes inquietas em busca de inspiração

Cinco anos de pesquisa e conteúdo sobre a cultura dos festivais.

@ØCLB / Pulso 2020. Todos os direitos reservados