11 de dezembro de 2018/POR Franklin Costa

Na última semana, a plataforma de eventos Sympla apresentou um levantamento durante a Semana Internacional de Música (SIM) para apresentar quantos festivais de música existem no Brasil.

Foto: Divulgação SIM São Paulo

Quer chutar? Aposto que você não vai chegar nem perto.

1.928 festivais. Sim, isso mesmo que você leu. Nos últimos 3 anos, foram registrados quase 2.000 festivais de música acontecendo no Brasil.

Ainda em choque? Nós também. Vamos analisar esse número.

O que é um festival de música?

Primeiro, é preciso entender o critério para definir o que é um festival de música. Segundo a escolha da Sympla:

“Eventos cujo principal conteúdo seja a música. Que possua em sua programação a concentração de várias bandas/DJ/músicos e que a organização se identifica como um evento de Festival de Música.”

Como se dividem os festivais de música pesquisados?

Outro fator importante para entender quantos festivais de música existem no Brasil é como eles se dividem em tamanho.

  • Festivais de pequeno porte: que possuem um público médio de 300 pessoas
  • Festivais de médio porte: que possuem um público médio de 1.000 pessoas ou mais (até 9.999 pessoas)
  • Festivais de grande porte: acima de 10 mil pessoas

Vale afirmar aqui que a grande maioria dos festivais levantados na pesquisa encontram-se na categoria de pequeno porte.

Como se dividem por gênero musical?

Os 1.928 festivais de música foram divididos entre os seguintes gêneros:

– Multigênero
– Eletrônico
– Rock
– Sertanejo
– Rap & Hip-Hop
– Funk
– MPB & Samba
– Outros (com destaque para o Jazz e o Forró)

Os festivais multigênero representam a maior parcela dos festivais mapeados pela pesquisa (em segundo lugar vem os festivais de música eletrônica).

E como se dividem os festivais por região do Brasil?

Os festivais de música se dividem por região do Brasil na seguinte proporção:

1º lugar – Região sudeste. Concentrando mais festivais em São Paulo, Minas Gerais e Rio de Janeiro que em todas as demais regiões do Brasil somadas.

2º lugar – Região nordeste. Ocupou esta posição em 2018 (antes da Região Centro-Oeste), apresentando também o segundo maior crescimento de festivais por região no Brasil

3º lugar – Região Centro-oeste

4º lugar – Região Sul

5º lugar – Região Norte

Vale reforçar que as regiões Centro-Oeste e Sul foram as duas únicas que apresentaram uma redução na quantidade de festivais realizados de 2017 para 2018. Em todas as demais regiões, houve um crescimento na quantidade de festivais realizados de 2017 para 2018.

Considerações finais

A apresentação oficial da pesquisa ainda será divulgadas pelo Data SIM, projeto de parceria entre a Sympla e a organização da Semana Internacional de Música de São Paulo.

Existem mais de 1928 festivais no Brasil. Segundo Karla Megda, da Sympla, “a pesquisa representa cerca de 50% a 60% da realidade no Brasil”.

Isso porque a maior parte da pesquisa foi realizada com os dados de festivais cadastrados na plataforma de eventos (que é também a maior do Brasil). Ou seja, há muitos outros eventos do tipo cadastrados em outras plataformas de tickets – ou ainda vendendo ingresso 100% em pontos de venda físicos.

Festivais de grande porte como o Rock in Rio e Lollapalooza fazem parte dos 1928 festivais levantados, mas somente nesta categoria. Informações como valor dos ingressos e quantidade de atrações não foram mapeadas nesta pesquisa (até porque, são muito distantes da grande maioria, o que iria enviesar e distorcer a média dos resultados apresentados).

Este foi o 1ª grande levantamento de festivais no país. Ficamos muito felizes pela iniciativa. Porém, como a Karla Megda comentou mais de uma vez na palestra: “ainda temos muitas informações pendentes, em grande parte porque os festivais não disponibilizam estas informações na Internet ou em qualquer lugar”.

Mais informações em breve no site da SIM.