Ultra Miami: 11 Atrações Imperdíveis para Ver no Streaming - Pulso

Ultra Miami: 11 Atrações Imperdíveis para Ver no Streaming

O maior festival de música eletrônica do mundo começa hoje. O Ultra, que comemora sua 18a edição, já pode ser considerado o mais importante e um dos principais eventos do segmento, que já criou um legado na história tanto para os DJs como para o público, que aguarda ansiosamente o início do festival.

Fundado em 1999 por 3 empresários, a primeira edição aconteceu em South Beach e tinha o nome de UMF. Devido ao aumento do público, o festival se mudou para o Bayfront Park em Downtown Miami, levando sempre os maiores nomes da música eletrônica mundial. Em 2006, passou a acontecer no Museum Park. Já em 2009, o festival estabeleceu um novo recorde na cidade (pelo número de ingressos vendidos para um único evento) e passou a apresentar além dos DJs, shows com nomes expressivos no mercado como Prodigy, The Black Eyed Peas, Santigold e The Ting Tings.

Como todo ano, o Ultra acontece durante o WMC (Winter Music Conference) em Miami durante 3 dias. O WMC é uma semana de festas, painéis, workshops e palestras e marca o encontro dos maiores profissionais do mundo da música como DJs, artistas, A&Rs, produtores musicais, gravadoras, rádios e outras mídias.

ultra-music-festival_2016_dates_miami

Faixa na saída do Ultra em 2015, com as datas confirmadas de 2016

E 2016 promete ser o ano da música eletrônica nos grandes festivais. Um bom exemplo é o Lollapalooza que vem investindo muito mais na pista eletrônica do que em outros gêneros nos últimos anos. O Brasil já entrou na rota dos maiores festivais do mundo, com Tomorrowland, EDC, Sónar, Lollapalooza, Rock In Rio e agora o Ultra, que vai acontecer em outubro no Rio de Janeiro.

O line-up 

Screen Shot 2016-03-18 at 12.30.39

Os headliners do Ultra 2016

O Ultra é o festival que sempre apresenta os maiores nomes da música eletrônica mundial e que valoriza muito a experiência musical. Embora a EDM, com seus sons explosivos, sempre tenha sido carro chefe do festival, começamos a ver outros sub-gêneros da música eletrônica se destacando entre os headliners do evento.

Além dos DJs, veremos alguns shows e live acts como o festival sempre faz questão de escalar e entre alguns estão Prodigy, Miike Snow, Crystal Castles, Icona Pop e AlunaGeorge, além da surpresa de vermos o cantor de R&B e downtempo Chet Faker como headliner.

Claro que além deles teremos os DJs queridos do público que já tem o costume de tocar no festival, como Guetta, Avicii, Afrojack, Tiesto, Zedd, Martin Garrix, Steve Angello, Hardwell e Knife Party.

the-prodigy

chet-faker-killswitch-0

steveangello1

Prodigy, Chet Faker e Steve Angello estão entre os headliners do Ultra Miami 2016

Alguns nomes brasileiros foram confirmados no Main Stage no sábado. Entre eles Alok e Vintage Culture, que são os dois DJs que mais se destacaram no Brasil recentemente. Alok por entrar no ranking da DJ Mag e Vintage por estourar mundialmente faixas como “Eyes” e “Sometimes”. Alok tocará às 13h, mas Lukas Ruiz aka Vintage infelizmente não poderá se apresentar por problemas de saúde. Os DJs Rodrigo Vieira e Rod B também vão se apresentar no Stage 7, no sábado.

A cada dia que passa vemos cada vez mais novos produtores musicais em evidência no line-up de grandes festivais como o Ultra. Isso mostra que o caminho natural do DJ hoje em dia é investir em produção musical, para tentar lançar alguma faixa por algum selo, para depois ela ser tocada por outros DJs e consequentemente assim entrar nesse circuito.

O Live Streaming

Confiram o teaser oficial do live streaming:

Selecionei aqui alguns nomes imperdíveis que provavelmente veremos na transmissão:

  1. Chet Faker – O cantor australiano passou pelo Brasil ano passado e ficou bastante conhecido por faixas como “Talk Is Cheap”, “1998” e a regravação da clássica “No Diggity”, do Blackstreet.
  2. Eric Prydz – Acabou de lançar seu álbum “Opus” e sua turnê “Epic 4.0”, onde se apresenta em um palco com um grande cubo gigante tecnológico de led e que funciona como uma caixa de surpresas, mostrando diversos tipos de projeções. Seu set sempre é totalmente autoral.
  3. Rabbit In The Moon – Foi atração da primeira edição do Ultra em 1999. O grupo mistura breakbeat com house e drum’n’bass e estou curioso para ver o que eles vão apresentar, pois há algum tempo não ouvia falar deles.
  4. Kygo – O DJ e produtor foi um dos nomes que mais se destacou em um sub-gênero totalmente diferente do que está nos holofotes, o tropical house. Depois de lançar “Firestone”, “Here For You” e “Stole The Show”, Kygo produziu diversos remixes oficiais e não oficiais também e ganhou notoriedade, passando a ser headliner em importantes festivais.
  5. MK – Um dos grandes nomes da house, Marc Kinchen produziu diversos remixes para artistas como Lana Del Rey, Ellie Goulding, Sam Smith, Diplo, Duke Dumont, Haim e Rhye, além de ter muitas produções lançadas por selos como a Defected, uma das principais do mundo. Podemos esperar um set de muito bom gosto e ótimas faixas.
  6. Steve Angello – Um dos nomes da EDM que mais tem apresentado sonoridades diferentes, mais melódicas e menos explosivas, com muitas novidades e enxergando talvez os novos rumos para a EDM. Ele tem mostrado isso nos últimos festivais que tocou e no seu último álbum “Wild Youth”.
  7. Kaskade – Ele tem mudado bastante seu som, utilizando em seus sets recentes faixas de trap e low BPM, além de tocar cada vez mais faixas autorais novas e antigas. Podemos esperar ouvir várias de seu último álbum, “Automatic”.
  8. Malaa – Um dos grandes nomes que apareceu no último ano, produziu recentemente hits como “Notorious”, “Fade” e o remix muito tocado de “Lean On”, do Major Lazer.
  9. Miike Snow – A banda sueca indie liderada pelo vocalista Andrew Wyatt lançou recentemente a faixa “Genghis Khan”, que já está sendo tocada por muitos DJs em todo o mundo. Vamos ver se ela será uma das mais tocadas no Ultra também. A apresentação deles costuma ser bem empolgante e foram eles os produtores do hit “Toxic”, de Britney Spears.
  10. Caribou – Projeto do músico canadense Daniel Victor Snaith, já tocou no Brasil e lançou um dos melhores álbuns do ano passado, “Our Love”.
  11. Prodigy – A banda que se consagrou nos anos 90 com hits como “Smack My Bitch Up”, “Breathe” e “Out Of Space” não estourou muito com seus últimos álbuns. Por terem sido um dos precursores da música eletrônica naquela época, esperamos assistir a um grande show.

Sneak Peaks

O Ultra divulgou Sneak Peaks (ou as prévias do que vai rolar) no Youtube, com várias atrações fazendo chamadas para o festival e falando um pouco do que vão tocar por lá. Confiram alguns abaixo:

Ultra Brasil

brasil-news

O Ultra anunciou no Rio Music Conference sua edição brasileira, que vai acontecer em outubro desse ano. Se cadastre aqui no site para ficar por dentro de todas as novidades em primeira mão.

E pra quem não lembra, o festival já aportou por aqui em 4 edições entre São Paulo e Belo Horizonte e trouxe além do esperado show do extinto trio Swedish House Mafia, nomes como Moby, Faithless, Benny Benassi, Alesso – que não era muito conhecido ainda, New Order, Duck Sauce e a dupla Major Lazer, que estava começando a se destacar mundialmente na época.

 

Posts Relacionados