Early Birds: Se Programar Para Comprar o Ingresso do Seu Festival dos Sonhos é o Melhor Negócio? - Pulso

Early Birds: Se Programar Para Comprar o Ingresso do Seu Festival dos Sonhos é o Melhor Negócio?

2017 mal começou e já tivemos várias aberturas de vendas dos festivais que irão rolar esse ano. Abaixo uma listinha do que já foi anunciado e o que vem por aí…

– Pré-venda de ingresso do Electric Zoo Brasil (lote promocional ESGOTADO)

– Pré-venda de ingressos do Ultra Brasil (lote promocional ESGOTADO)

– Venda dos ingressos e pacotes do Tomorrowland na Bélgica (ESGOTADO em minutos)

– Venda de ingressos do Coachella (ESGOTADO em minutos)

– Sold-Out do Ultra Music Festival Miami

– Venda dos ingressos do Ultra Europe (Lote Promocional)

Foto divulgação

Em janeiro temos várias outras despesas que para muitos são prioridades e a compra do devido ingresso para aquele festival dos sonhos acaba ficando de lado, o que leva até a desistência da pessoa de ir para o festival em questão. Mas por que os festivais se anteciparam tanto esse ano para abrir suas vendas?

O Ultra Brasil por exemplo é só em Outubro e sua pré venda esgotou em minutos, assim como a pré-venda do Electric Zoo Brasil que é em Abril.

Festivais que não são novidades para o público e já são conhecidos por rolar sold out como Coachella, Ultra Miami e Tomorrowland Bélgica mais uma vez repetiram a dose. Novidade nesse ano foi a abertura de um lote promocional do Ultra Europe que acontece em julho na Croácia, uma semana antes do Tomorrowland Bélgica.

Foto divulgação.

Na atual crise em que o Brasil vive o importante é ir em pelo menos um grande festival no ano. Quem se programou para ir ao Tomorrowland Bélgica, Ultra Europe, Coachella ou Ultra Miami, não deve estar se preocupando com os demais festivais aqui no Brasil. Mas vale lembrar que esses festivais são pagos a vista, enquanto aqui no Brasil podemos parcelas as compras.

Com isso, podemos concluir que tudo é uma estratégia do próprio mercado para fazer as pessoas se planejarem e não deixarem nada para a última hora. Sendo assim conseguem aproveitar um número maior de festivais ao longo do ano seja aqui no Brasil ou fora.

Lembrando que esse ano devemos receber vários festivais de médio porte, o primeiro foi o Dekmantel que aconteceu no último 04 e 05 de fevereiro em São Paulo e em breve terá o DGTL que também promete surpreender e muito o público brasileiro

Mas e para você: vale a pena comprar ingresso antecipado? Qual a sua opinião sobre isso?

 

 

 

 

Ana Luiza Cavalcante Por Ana Luiza Cavalcante

Desde 1990 ouvindo e respirando música. Produtora de eventos com base em Belo Horizonte mas que não deixa de viajar pelo mundo atrás do que ama: festivais.

Posts Relacionados