5 Tipos de Experiência VIP em Festivais - Pulso

5 Tipos de Experiência VIP em Festivais

É bem verdade que os motivos pelos quais as pessoas frequentam festivais são diversos: algumas priorizam a música e aguardam ansiosamente o anúncio do lineup. Outras focam no evento em si e em todas as atividades propostas, voltadas para a experiência. Por isso, é difícil mensurar o quanto vale determinado evento para cada pessoa.

Créditos: Mad Cool Festival

Levando todos esses aspectos em consideração, alguns festivais pelo mundo resolveram investir em opções VIP. Por lá, os valores podem chegar às alturas, mas as regalias não deixam à desejar, como open bar & open food, entrada diferenciada e até ambientes exclusivos para assistir aos show.

Selecionamos 5 eventos que exemplificam bem essa modalidade. Você pode conferi-los logo abaixo! 😉

Coachella (Indio, Califórnia, EUA)

Valor normal (3 dias): U$399-459

Valor VIP (3 dias): U$899

Diferencial: O Coachella é, sem dúvidas, um dos festivais mais mainstream da atualidade, mas também um dos mais desejados do mundo. Ao optar pelo VIP, você estará diante de duas áreas exclusivas, sendo uma super próxima ao palco principal. A entrada é separada dos demais pagantes e há mesas para piquenique, sofás, banheiros e merch próprio. Por ser um final de semana originalmente caro e no meio do deserto, o que já adiciona gastos com hospedagem e locomoção, o pacote VIP é recomendado e resolve boa parte dos perrengues.

Créditos: Coachella

Sasquatch (George, Washington, EUA)

Valor normal: U$295 + camping

Valor VIP: U$999-U$4,999 (duas pessoas)

Diferencial: O Sasquatch apresenta muitos níveis de ingressos VIP, incluindo bares próprios, tendas com comidas, bebidas e cervejas selecionadas e até espaços exclusivas próximos dos 5 palcos espalhados pelo evento. A entrada também não é a mesma do público geral e é possível contratar um garçom particular, usufruir de tendas privativas, serviços de café da manhã e até banhos quentes.

Créditos: Sasquatch!

Primavera Sound (Barcelona, Espanha)

Valor normal: €145 – €215

Valor VIP: €200-€300

Diferencial: Sem dúvidas um dos festivais mais queridos do planeta, o Primavera apresenta um excelente custo-benefício aqueles que decidem investir num ingresso VIP. Por lá, as opções de comida e bebida são super variadas, a entrada é diferenciada, há acesso preferencial aos shows que possuem limite de pessoas (como os do Auditori-Rockdelux, por exemplo), um kit de boas-vindas personalizado bem bacana é oferecido e, é claro, o principal: o acesso ao golden circle, isto é, a área frontal ao palcos principais é garantido.

Créditos: Primavera Sound / Barcelona Hair Academy

Panorama (Nova York, EUA)

Valor normal: U$369

Valor VIP: UR$769

Diferencial: Dos mesmos criadores do Coachella, o Panorama também oferece as mesmas regalias do primo californiano, como basicamente opções diferenciadas para tudo que é possível, desde comida até local de entrada. Entretanto, o o festival nova-iorquino vai além e possui lounges para descanso, brindes diversos, uma cabine fotográfica, ambientes refrigerados e, principalmente, acesso ao espaço mais próximo do palco possível, o pit. Basta chegar alguns minutos antes do show desejado e a visão mais privilegiada do local será a sua. Entretanto, é válido lembrar que as bebidas & comidas não são liberadas.

Créditos: Panorama

Austin City Limits (Austin, Texas, EUA)

Valor normal: U$255 (3 dias)

Valor VIP: U$1,100 / Platinum: $3,600 (3 dias)

Diferencial: O ACL promove duas opções bem salgadas. Nelas, são oferecidas filas preferenciais, bebidas liberadas, jantares de restaurantes renomados e ar condicionado para todos os lados. Há também serviços de spa e televisões de última geração transmitindo os shows. Para ser transportado de um palco ao outro por um carrinho de golfe, o Platinum é a sua escolha: entrada ainda mais especial, estacionamento gratuito, serviços de transfer inclusos, mais opções de alimentação selecionadas por chefs, carregadores de celular espalhados pelos ambientes e espaços privilegiados para assistir aos shows principais.

 

Créditos: Austin City Limits

 

 

Posts Relacionados